Casal foge e abandona seus filhos após cometer fraude milionária

Handreza Hayran 21/11/2021
Atualizado 21/11/2021 13:28
3 Minutos de Leitura
Richard Ayvazyan e Marietta Terabelian

Um casal roubou mais de US$ 20 milhões de um cobiçado fundo de ajuda humanitária na Califórnia. Depois de cometer o roubo, eles fugiram do estado, deixando seus filhos desabrigados.

Richard Ayvazyan e Marietta Terabelian são duas das pessoas mais procuradas do FBI. O casal de 42 e 37 anos enganou o governo dos Estados Unidos, arrecadou uma quantia próxima a 20 milhões de dólares e, enfrentando uma dura sentença, eles desapareceram, deixando seus filhos para trás.

Como foi o roubo?

Tudo começou com a pandemia Covid-19. Quando a crise começou a deixar pessoas sem trabalho e pequenas empresas em falência, depois de muito debate, os Estados Unidos decidiram fornecer títulos de assistência aos mais necessitados.

O que para muitos para o Ayvazyan foi uma grande oportunidade de negócio. Utilizando identidades falsas que incluíam pessoas falecidas, idosos ou intercambistas que haviam retornado ao seu país de origem, o casal acumulou auxílios estatais para pessoas em situação de emergência.

A este plano inicial juntaram-se dezenas de empresas que criaram com folhas de pagamento e declarações fiscais falsas. Segundo o Los Angeles Times , Richard convocou outras pessoas para participar do golpe e, dessa forma, elas acumularam cerca de 150 pedidos de empréstimo.

Com o dinheiro nas mãos, a vida da família deu uma guinada de 180 °: eles investiram os milhões arrecadados em joias, relógios, moedas de ouro, propriedades nos bairros mais exclusivos da Califórnia, objetos de design e uma motocicleta Harley Davidson.

O status de “novo rico” disparou um alerta e era questão de tempo até que as autoridades começassem a investigar sua situação.

As investigações levaram a uma invasão em sua mansão de US $ 3,25 milhões. Alguns meses depois – mais precisamente, em junho deste ano – o casal foi considerado culpado no tribunal.

Imagens da invasão à mansão. (Los Angeles Times).

Mas quando o juiz proferiu a sentença, apenas seus três filhos, de 13, 15 e 16 anos, estavam lá para ouvi-la, já que, em uma noite de agosto, seus pais desapareceram.

Um dia voltaremos a ficar juntos“, escreveram eles em uma carta que deixaram na cama antes de fugir.

No momento, o FBI continua pesquisando e ofereceu uma recompensa de US$ 10.000 por qualquer informação sobre o paradeiro dos golpistas.

Compartilhe este Post