‘De Rainha do Veganismo a Foragida’: Sarma Melngailis foi para a prisão?

Handreza Hayran
2 Minutos de Leitura
Sarma Melngailis

A mais recente série de crimes reais da Netflix chegou. Intitulado Bad Vegan: Fama. Fraud. Fugitives. (em português: De Rainha do Veganismo a Foragida), a série documental de quatro partes conta a história de Sarma Melngailis, ex-proprietária do restaurante vegano de Nova York Pure Food and Wine, e seu relacionamento com o fraudor Anthony Strangis.

Ao longo de seu relacionamento, Melngailis enviou a Strangis mais de um milhão de dólares, deixando seu aluguel e folha de pagamento do restaurante não pagos, com Strangis alegando que poderia realizar todos os sonhos de Melngailis, incluindo tornar seu amado cachorro imortal.

O casal deixou Nova York e passou 10 meses vivendo sob nomes falsos enquanto se escondia da polícia.

Mas Sarma Melngailis foi para a prisão?

Em 2017, Melngailis fez um acordo judicial e se declarou culpada de furto, fraude fiscal e conspiração para fraudar. Como parte do acordo, ela cumpriu 4 meses de prisão no final daquele ano.

Quanto a Strangis, o golpista se declarou culpado de quatro acusações de furto e foi condenado a um ano de prisão e cinco anos de liberdade condicional. Ele também foi obrigado a pagar US$ 840.000 em restituição aos investidores. Melngailis pediu o divórcio depois de cumprir sua sentença.

Escrito por Handreza Hayran
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.