Cães do Titanic
Cães do Titanic Fonte: wikipedia commons

Titanic: a bordo do navio havia 12 cães, mantidos em um canil de primeira classe

Quando o Titanic afundou nas águas geladas do Atlântico Norte em 15 de abril de 1912, o mundo lutou para entender as causas do desastre, bem como aprender o máximo possível de fatos sobre o Titanic e seus passageiros.

Desde então, o naufrágio deste navio “inafundável” fascina e ao mesmo tempo assusta as pessoas em todo o mundo. 

O que exatamente aconteceu naquela noite fatídica? Por que o Titanic afundou? 

Quantas pessoas conseguiram viver? Quem eram os passageiros do triste navio?

Parece que em mais de 100 anos tudo o que é possível foi escrito sobre isso. Porém, nós decidimos coletar fatos não óbvios e pouco conhecidos sobre o Titanic e seus passageiros, o que permitirá que você olhe de forma diferente para a história deste naufrágio.

12 cães no titanic?

Uma equipe dedicada estava encarregada de passear com os cães no convés, bem como de manter os animais limpos.

Como a maioria desses cães pertencia a passageiros de primeira classe, eles foram muito bem cuidados. Uma exposição de cães foi até marcada para 15 de abril, o dia do naufrágio.

Apenas três cães sobreviveram à tragédia – 2 Lulu da Pomerânia e um Pequinês – e apenas porque eram pequenos o suficiente para serem levados em um barco salva-vidas.

Titanic: a bordo do navio havia 12 cães, mantidos em um canil de primeira classe via @focoefama

Autor(a): Handreza Hayran

Handreza Hayran é editora do Foco e Fama. Acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.
Também é apaixonada por séries, música, cinema e tudo o que é tecnológico.