A Vizinha da Mulher na Janela: por que Anna tem ombrofobia?

Handreza Hayran
3 Minutos de Leitura
a vizinha da mulher na janela 1

Na série da Netflix ‘A Vizinha da Mulher na Janela’, Kristen Bell interpreta uma mulher em luto que sofre de Ombrofobia. Mas o que exatamente é esse medo? É uma doença real?

O thriller de comédia sombria centra-se em Anna, uma pintora viciada em álcool e pílulas que a fazem alucinar. Uma noite ele pensa ter visto o assassinato de seu vizinho. 

O final da temporada deixou a porta aberta para uma possível sequência, explicando também o medo irracional de Anna.

Vamos descobrir o que é Esciofobia e por que a protagonista sofre com isso.

O que é Ombrofobia

Na série nos é dito que a personagem interpretada por Kristen Bell tem medo de chuva, condição que ela chama de ombrofobia. De acordo com o dicionário, o termo é bastante atribuído no campo da botânica às plantas ombrofóbicas, ou seja, não toleram áreas chuvosas.

Na psicologia, no entanto, a palavra está associada ao medo persistente de chuva e trovoadas.

Anna passa os dias sentada dentro de casa observando seus vizinhos porque teme que uma chuva a surpreenda enquanto ela estiver na rua. 

De fato, em contato com a chuva, a mulher desmaia e não consegue se levantar, quase pressionada por uma força invisível que a impede de se mover.

Quando Anna começou a sofrer com isso

Anna começou a sofrer com isso no dia em que sua filha morreu. Em um episódio da série, conta-se como naquele dia fatídico ela convenceu o marido Douglas a ser acompanhado por sua filha Elizabeth para o trabalho. 

O homem é um psiquiatra criminal e deveria examinar um perigoso serial killer canibal. Por um erro estúpido, Douglas deixou a garota sozinha com o assassino, que a matou.

Anna então associa a chuva com o trauma da morte de Elizabeth, pois ela estava involuntariamente se despedindo dela enquanto a cumprimentava antes de ir trabalhar com seu pai.

Anna não tem medo de trovões e relâmpagos, mas mesmo assim associa a chuva a um evento negativo em sua vida, que é o dia em que viu Elizabeth viva pela última vez.

No final da temporada, a mulher ainda consegue superar seu medo e, portanto, seu trauma quando, com coragem e firmeza, ela se levanta da rua enquanto chovia: isso porque ela suspeita que Buell está prestes a matar Emma, ​​​​​e ela não pode reviver outro evento trágico. 

Neste caso, Anna não só consegue superar o luto pela morte de sua filha, mas também sua ombrofobia.

Compartilhe este Post
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.