Por que ‘The Owl House’ (A Casa da Coruja) foi cancelada?

Handreza Hayran
2 Minutos de Leitura
The Owl House

Quando The Owl House estreou na Disney em janeiro de 2020, a série animada recebeu elogios quase unânimes.

Não apenas The Owl House foi visto como conteúdo criativo e original, mas a série também foi elogiada pelo uso de vários personagens LGBT em seu enredo. Isso incluiu a protagonista principal Luz Noceda, que desenvolve um relacionamento com um dos outros personagens principais do programa, Amity Blight.

Sua aclamação da crítica estelar e prêmios copiosos não foram suficientes para impedir o cancelamento.

Por que ‘The Owl House’ (A Casa da Coruja) foi cancelada?

Em outubro de 2021, a criadora de The Owl House, Dana Terrace, postou uma declaração contundente no Reddit, alegando que a série foi cancelada não devido a classificações ruins ou problemas associados à pandemia de COVID-19, mas porque algumas pessoas nos escalões superiores da Disney não quiseram, por dizer que não combinava com a marca.

Sobre o que é The Owl House (A Casa da Coruja)?

‘A Casa da Coruja’ é uma série sobre uma garota nerd chamada Luz Noceda, cuja paixão fanática por ficção científica e cultura popular muitas vezes causa todos os tipos de conflitos e problemas.

Um dia, uma mãe decide enviar a filha para um acampamento de verão especial, no qual, segundo ela, eles finalmente farão de Luz uma “pessoa normal”. Naturalmente, esse alinhamento não combina com a heroína – ela geralmente não entende o que é ruim em seus interesses.

Felizmente, Luz inesperadamente encontra um portal para um mundo onde vivem demônios e bruxas de todos os matizes. Lá ela conhece Ida, uma feiticeira criminosa superpoderosa, bem como um rei demônio fofo – King.

A garota decide que o verão na companhia de uma feiticeira é muito melhor do que no acampamento, permanece nas Ilhas Ferventes e pretende aprender a arte da magia.

Sim, a história na maioria das vezes não é algo novo, mas ‘Owl House’A Casa da Coruja’ ainda é interessante de assistir.

Compartilhe este Post
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.