‘Vikings: Valhalla’: Quem foi Emma da Normandia, a rainha da Inglaterra? 

A nova série ‘Vikings: Valhalla’, derivado do sucesso da History Channel ‘Vikings’, apresenta várias personalidades históricas e uma delas é Emma da Normandia, Rainha da Inglaterra.

Na série, Emma da Normandia é um dos personagens de grande importância para o arco de ‘Vikings: Valhalla’, mas quem será que foi Emma, Rainha da Inglaterra fora da ficção? 

Emma da Normandia, a Rainha da Inglaterra 

Emma, filha de Ricardo I, Duque da Normandia, casou-se com o Rei Etelredo II de Inglaterra como uma forma de pacificar uma Inglaterra que sofria diversas invasões vikings pela Normandia.

Da união, nasceu Eduardo, o Confessor, Alfredo Atelingo e Goda da Inglaterra.

Com a invasão em 1013 de Sueno I da Dinamarca na Inglaterra, Emma e os filhos precisaram fugir de volta para Normandia, mas com a morte de Sueno em 1014 ela retornou à Inglaterra.  

Com a morte do Rei Etelredo, o trono foi sucedido pelo filho, Edmund II, fruto do primeiro casamento do rei.

Emma continuou como Rainha consorte da Inglaterra e com a morte de Edmund II, ela casou-se com Canuto, O Grande, filho de Sueno. Esse arranjo no casamento garantiu que as vidas dos filhos de Emma fossem poupadas, já que Canuto pretendia se livrar dos pretendentes do trono.

Emma morreu em 1052 e foi enterrada na antiga catedral anglo-saxão Old Minster.