O ator surdo Troy Kotsur vence o Oscar de melhor ator coadjuvante

Handreza Hayran 27/03/2022
Atualizado 27/03/2022 23:20
2 Minutos de Leitura
Troy Kotsur

Troy Kotsur se tornou o primeiro surdo a ganhar um Oscar quando ganhou o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante por seu papel como pescador e pai de família em “CODA”.

Kotsur, 53, trabalha há mais de três décadas em cinema, televisão e teatro para surdos e ouvintes.

Em “CODA”, um acrônimo para “filho de adultos surdos”, Kotsur interpreta Frank Rossi, o pai da adolescente Ruby, que luta para sustentar o negócio de pesca da família enquanto persegue seus próprios sonhos na música.

A única outra pessoa surda a ganhar um Oscar foi a co-estrela de Kotsur em “CODA”, Marlee Matlin, que ganhou um Oscar de melhor atriz por seu papel no drama romântico de 1986.

Kotsur nasceu surdo e cresceu no Arizona como o único membro de sua família sem ouvir.

A maioria dos créditos de Kotsur vem do palco, com papéis em “Of Mice and Men”, “A Street Car Named Desire” e a produção da Broadway de “Big River: The Adventures of Huckleberry Finn”.

Ele também atuou em um episódio da série de televisão “Star Wars” “The Mandalorian”.

Veja o que ele disse:

“É incrível estar aqui. Não posso acreditar que estou aqui”, disse ele em linguagem de sinais, visivelmente emocionado.

“Só queria dizer que este é dedicado à comunidade surda, à comunidade C oda e à comunidade deficiente. Este é o nosso momento”, disse o ator, traduzido por um intérprete.

Kotsur agradece à Apple por acreditar em “atores surdos”

O filme se tornou um fenômeno instantâneo após o festival de cinema independente de Sundance de 2021, onde estreou e abriu uma guerra de lances que a plataforma Apple TV+ venceu com um valor recorde de US$ 25 milhões.

Kotsur, que é casado com uma atriz e tem uma filha, deu mais um passo ao ganhar um Oscar por uma indústria que tem demorado a ouvir a comunidade surda.

Compartilhe este Post