Julia Quinn

Julia Quinn, autora de ‘Bridgerton’, perde pai e irmã em acidente de carro

A autora do best-seller Bridgerton, que serviu de base para uma série de sucesso da Netflix que estreou no ano passado, postou na quarta-feira detalhes sobre uma tragédia familiar nas redes sociais.

“Perdi meu pai e minha irmã”, escreveu Julia Quinn no Facebook sobre o acidente de carro ocorrido em Utah. 

Quinn disse que ela e sua irmã, a artista de quadrinhos Violet Charles, tinham acabado de escrever uma história em quadrinhos juntas. “Ainda será dedicado ao nosso pai”, escreveu ela. “Não será mais uma surpresa, mas eu gostaria de pensar que ele suspeitou que nós faríamos isso. Ele nos conhecia muito bem. Ele era nosso pai.”

O pai de Quinn, Steve Cotler, também era um autor. Ele escreveu uma série de livros para alunos do ensino fundamental. 

O primeiro capítulo da série “Bridgerton” de Quinn, The Duke and I, foi publicado em 2000. A autora, que nasceu em 1970, publicou cerca de 30 romances, oito dos quais se passam no início de 1800 e dizem respeito à família Bridgerton. Um dos personagens compartilha o mesmo nome com a irmã de Quinn, Violet.

A UHP identificou as vítimas como Stephen Cotler, de 77 anos, da Califórnia, e Ariana Cotler, de 37 anos – também conhecida por seu pseudônimo de Violet Charles – de North Salt Lake.

Julia Quinn, autora de ‘Bridgerton’, perde pai e irmã em acidente de carro via @focoefama

Autor(a): Handreza Hayran

Handreza Hayran é editora do Foco e Fama. Acredita que histórias bem contadas, são um presente incrivelmente valioso.
Também é apaixonada por séries, música, cinema e tudo o que é tecnológico.

Atypical

“Atypical” 4ª temporada: última temporada da série está chegando na Netflix

‘Ponto Cego’: conheça Jaimie Alexander, lutadora com corpo de modelo