Biden diz que filho ‘perdeu a vida no Iraque’ [vídeo]

Handreza Hayran
2 Minutos de Leitura

O presidente Biden erroneamente disse que seu filho, Beau, “perdeu a vida no Iraque” durante um discurso no Colorado na quarta-feira.

“Digo isso como pai de um homem que ganhou a Estrela de Bronze, a Medalha de Serviço Conspícuo e perdeu a vida no Iraque”, disse Biden. Mas Beau morreu de câncer no cérebro em 2015.

Um vídeo dos comentários de Biden foi postado no Twitter pelo Washington Examiner, recebendo mais de 600.000 visualizações.

Beau Biden, o filho mais velho do presidente, serviu no Iraque com a Guarda Nacional do Exército de Delaware de 2008 a 2009, onde recebeu a Estrela de Bronze por seu serviço.

Após sua morte em 2015, Beau Biden recebeu postumamente a Cruz de Serviço Conspícuo de Delaware, apresentada por “heroísmo, serviço meritório e conquista notável”.

No entanto, Beau Biden morreu de câncer no cérebro em 30 de maio de 2015, no Centro Médico Militar Nacional Walter Reed em Bethesda, Maryland, e não no Iraque.

Em 2016, Joe Biden sugeriu que o câncer de Beau Biden poderia estar ligado a poços de queimaduras tóxicas a que ele foi exposto durante o serviço militar no Iraque, e sua observação no Colorado pode ter sido uma referência a isso.

Os militares dos EUA usaram poços de queima, onde os resíduos são empilhados e queimados, no Iraque e no Afeganistão. O material queimado incluiu plásticos, borracha e baterias, que podem produzir fumaça tóxica.

De acordo com o Departamento de Defesa, cerca de 3,5 milhões de homens e mulheres militares americanos podem ter sido expostos a níveis perigosos de toxinas dos poços.

Compartilhe este Post
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.