Diretor de “Pantera Negra” quis sacar dinheiro discretamente e foi confundido com ladrão

Handreza Hayran 10/03/2022
Atualizado 10/03/2022 16:15
2 Minutos de Leitura

Por engano, o diretor de “Pantera Negra” é confundido com um ladrão de banco e foi até algemado!

O cineasta Ryan Coogler foi algemado pela polícia de Atlanta depois que um funcionário do banco o confundiu com um ladrão.

O diretor de “Pantera Negra” , que é afro-americano, entrou em uma agência do Bank of America em 7 de janeiro e entregou à funcionária um comprovante de saque com uma nota escrita no verso pedindo que ela “seja discreta ao entregar o dinheiro”. ”, segundo boletim de ocorrência policial.

Ele também tinha seu cartão de identificação do estado da Califórnia e seu cartão de conta do Bank of America. Ele estava tentando sacar mais de US$ 10.000 e o funcionário do banco ao ler o bilhete rapidamente alertou seu gerente de que Coogler estava tentando roubar o banco, diz o relatório.

A polícia que respondeu à agência do banco no bairro nobre de Buckhead viu uma picape Lexus preta estacionada na frente com o motor ligado. Um agente conversou com o motorista, que lhe disse que estava esperando por Coogler, que estava dentro do banco. Uma passageira deu a mesma informação à polícia.

Dois outros policiais entraram no banco e levaram Coogler algemado.

Ryan Coogler

Mas a polícia determinou que tudo foi um erro do funcionário do banco e que Coogler “nunca teve culpa”. Suas algemas foram imediatamente removidas e as outras duas pessoas foram liberadas, segundo o relatório.

O filme de super-heróis da Marvel “Pantera Negra” foi o maior lançamento nos cinemas de 2018, arrecadando mais de US$ 1 bilhão em todo o mundo e inspirando aplausos de “Wakanda para sempre” em todos os lugares. 

Foi indicado ao Oscar de melhor filme, uma honra que Coogler compartilhou como um de seus produtores. Uma sequência está sendo produzida na Geórgia com previsão de lançamento em novembro de 2022.

Compartilhe este Post