Freddie Mercury e Mary Austin: conheça a história de amor do casal

O nome Mary Austin é sempre mencionado ao lado do nome do cantor britânico Freddie Mercury. Somente após a morte do músico é que se tornou conhecido o importante papel que essa mulher desempenhou em sua vida.

Antes disso, ela era pouco mencionada na mídia, mesmo quando Austin começou a aparecer em público como assistente de Mercury, ninguém ouviu fofocas sobre o romance deles. No entanto, Mary Austin é a herdeira da maior parte da fortuna do cantor.

Conheça a história de Mary Austin

  • Nome: Mary Austin
  • Data de nascimento: 6 de março de 1951
  • Altura: 1,70 m
  • Nasceu em Londres – Mary Austin nasceu em Londres.
  • Seus pais eram surdos – Os pais da menina eram surdos e se comunicavam com a filha usando leitura labial e linguagem de sinais.
  • Sua mãe trabalhava como secretária e seu pai trabalhava como entalhador. A família morava em uma pequena casa com terraço em Fulham e precisava de dinheiro, então Mary teve que procurar trabalho cedo.

Vida pessoal

Austin conheceu Freddie Mercury em sua juventude. A menina trabalhava como vendedora na loja da moda “Biba”, e o músico ia lá comprar roupas para novas imagens de palco. 

Algumas fontes mencionam que os jovens foram reunidos por Brian May, o guitarrista do Queen. Ele mesmo gostava de Mary, mas a garota não correspondia, mas o belo Freddie de cabelos negros imediatamente atraiu sua atenção.

Maria, mesmo em sua juventude, não se distinguia pela beleza brilhante, mas encantava o músico com sua prudência e charme.

1º Encontro de Freddie Mercury e Mary Austin

Por um longo tempo, Mercury hesitou em convidá-la para um encontro, e quando conseguiu um encontro, fez o possível para impressionar.

O casal logo se estabeleceu na Holland Road. Eles tinham pouco dinheiro e os jovens tiveram que alugar um quartinho, dividindo o banheiro e a cozinha com os vizinhos.

Nenhum deles fez planos de longo alcance, e Mary ficou muito surpresa ao receber um anel de jade de seu amante no Natal.

Freddie Mercury pede Mary Austin em casamento

A princípio ela decidiu que era apenas um presente, sem pistas, mas Freddie realmente a pediu em casamento.

O músico logo percebeu que a proposta era precipitada e ele não estava interessado na vida familiar. Ele tentou abafar as conversas relacionadas ao casamento e dissuadiu a namorada de comprar um vestido antigo que ela usaria no casamento.

Mary ficou desapontada com esse comportamento, mas não muito surpresa – tal ato estava em seu espírito, e o relacionamento do casal naquela época já havia começado a se deteriorar.

Freddie Mercury foca na carreira

Mercury tornou-se cada vez mais interessado em sua carreira. Seus negócios rapidamente pioraram, ele desapareceu em shows e ensaios e eventualmente parou de voltar para casa.

Mary tentou reatar o romance que estava desmoronando e até pediu um filho a Freddie, o que só o deixou com raiva.

Freddie Mercury assume sentir atração por homem

Em 1976, o músico anunciou que não via mais sentido no relacionamento deles e admitiu para a namorada que se sentia atraído por homens.

Mercury convidou a garota a permanecer amiga, e, segundo ela, ela é grata por sua honestidade.

Eles viveram juntos por mais um ano. Naquela época, Freddie tinha um namorado, e às vezes os três saíam, surpreendendo os fãs.

No entanto, os sentimentos do músico por sua esposa consuetudinária não diminuíram – no mesmo ano ele escreveu a música Love of my life, que dedicou a ela.

Eventualmente, Mary saiu do apartamento compartilhado. Freddie, que naquela época já era uma pessoa rica, comprou para ela uma casa de que ela gostou nas proximidades.

Depois de observar os casos amorosos de seu ex-namorado, ela mesma retomou a organização de sua vida pessoal.

Austin e Pierce Cameron se casam

Austin logo se casou com o artista Pierce Cameron e deu à luz dois filhos, Richard e James. Freddie se tornou padrinho do filho mais velho, e uma foto comovente está preservada no arquivo da família, onde o músico dá à criança um presente de Natal.

O casamento de Mary não foi bem. O marido não gostava que ela estivesse sempre na companhia do ex-companheiro, e após constantes conflitos se divorciaram.

Austin e Nicholas Holford se casam

Na segunda vez em que se casou em 1998, a união com Nicholas Holford durou 4 anos.

Freddie Mercury pediu a Mary Austin para enterrar suas cinzas em um lugar secreto

Alguns anos antes de sua morte, ele pediu a Austin um último favor – após a cremação, para pegar suas cinzas e enterrá-las em um lugar secreto conhecido apenas pelos dois.

Freddie não queria uma peregrinação póstuma ao seu túmulo e temia que ela fosse profanada.

Maria realizou seu desejo e até hoje guarda o segredo do último refúgio do músico. Além dela, ninguém sabe onde as cinzas de Mercury estão enterradas, nem mesmo seus pais.

Mary Austin se torna herdeira de Mercury

De acordo com o testamento, Austin se tornou a herdeira da maior parte de sua fortuna, incluindo a luxuosa mansão Garden Lodge.

Após a morte de Mercury, foi Maria quem se tornou a primeira a contar ao público sobre sua homossexualidade, da qual os fãs não gostaram.

Muitos consideraram esse passo uma traição de segredos pessoais e um desejo de inflamar um escândalo para lucrar ainda mais com a memória do cantor.

Carreira de Mary Austin

Após a separação, Austin continuou sendo uma pessoa importante na vida de Mercury. Ela trabalhava como secretária para ele, ajudava-o a resolver problemas do dia a dia e profissionais e organizava reuniões.

Suas fotos conjuntas apareciam constantemente na mídia, mas a imprensa a considerava apenas uma assistente, e quase ninguém mencionou seu antigo caso com Freddie.

A própria Mary estava geralmente satisfeita com esse status. Em algumas entrevistas, o músico chamou Maria de seu único amor e disse que ninguém significava tanto para ele quanto ela.

No verão de 1991, Mercury morreu de broncopneumonia, que se desenvolveu no contexto da imunodeficiência.

Em 2000, Austin estrelou o filme Freddie Mercury, The Untold Story, onde ela interpretou a si mesma.

Mary Austin agora

Mary mora em Londres. Sua casa em Kensington, cercada por um muro inexpugnável, é um local de peregrinação permanente para os fãs do músico.

Ela não chama ninguém para dentro. Os convidados têm que se contentar com a aparência da casa e ouvir os guias recontar sua história de amor.

Móveis antigos, pinturas e um velho piano de cauda, ​​sobre o qual o músico compôs seus sucessos, permaneceram nos mesmos lugares, nas paredes estão penduradas fotografias de Mercury, tanto do palco como daquelas em que foram capturadas juntas.

Freddie Mercury e Mary Austin: conheça a história de amor do casal via @focoefama

Autor(a): Handreza Hayran

Handreza Hayran é editora do Foco e Fama. Acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.
Também é apaixonada por séries, música, cinema e tudo o que é tecnológico.

What do you think?