Georges Seurat: pai do pontilhismo

Handreza Hayran
4 Minutos de Leitura
Georges Seurat

Georges-Pierre Seurat foi um grande pintor impressionista francês. Nasceu em 2 de dezembro de 1859 em Paris. Tornou-se um dos artistas mais famosos do neo-impressionismo.

Georges-Pierre Seurat ficou famoso por ser o fundador de um novo estilo de pintura de vanguarda, que foi chamado de “pontilhismo” (pontilhismo é desenhar com pontos).

Biografia de Georges Seurat

A atividade criativa de  Georges Seurat  tem menos de dez anos: ele nasceu em 1859 e, em março de 1891, terminou subitamente aos trinta e um anos.

Sua herança artística não é numerosa. Mas, no entanto, ele conseguiu desenvolver um conceito pictórico inovador, mudando o curso do desenvolvimento da pintura.

  • Ocupação: Artista, Pintor
  • Nascimento:  2 de dezembro de 1859 em Paris, França
  • Falecimento: 29 de março de 1891 (31 anos) em Paris, França
  • Obras Famosas:
  • Estilo: Pontilhismo, Neoimpressionista

Sua primeira arte

O primeiro trabalho notável de Georges Seurat é ” Um banho em Asnières” (1883), que foi rejeitado pelo Salão de Paris, depois do qual ele preferiu trabalhar com artistas independentes.

A primeira pintura no estilo do pontilhismo foi “Uma Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte” (1884), que ainda hoje é considerada um patrimônio inestimável da arte mundial.

Georges e o pontilhismo

Crescendo, ele entrou na Escola de Belas Artes. Durante seus estudos em pintura, ele estava constantemente em busca de algo novo, gravitou em direção ao impressionismo e desenvolveu novos métodos que serviram para criar uma nova direção no neo-impressionismo.

Uma técnica artística inventada pelo talentoso artista foi que, em vez de traços, ele começou a usar pontos de cores diferentes. Pontos de cores individuais criam um efeito óptico. O espectador, que observa essas pinturas à distância, sente o efeito de uma ilusão de ótica.

Os pontos se fundem em um único todo, deixando claro este ou aquele enredo, mas devido à textura inusitada das pinturas, que são pintadas exclusivamente com pontos multicoloridos, adquirem um clima especial e causam admiração.

Morte precoce

O pintor morreu aos 31 anos em 29 de março de 1891, mas a causa de sua morte ainda não está clara. Os biógrafos sugeriram que poderia ser amigdalite infecciosa, pneumonia, difteria ou uma forma aguda de meningite.

O funeral do pós-impressionista aconteceu na capital da França, ele encontrou seu último refúgio no famoso cemitério Pere Lachaise. Amigos, pais e dezenas de simpatizantes compareceram ao culto na Igreja Católica de São Vicente de Paulo.

Fatos interessantes sobre Georges Seurat

  • Ele tinha uma esposa e um filho que ele manteve em segredo de sua mãe. Seu filho morreu ao mesmo tempo que ele da mesma doença.
  • Suas pinturas funcionavam muito como monitores de computador funcionam hoje. Seus pontos eram como os pixels em uma tela de computador.
  • Sua pintura final foi “O Circo”.

Exemplos da arte de Gerges Seurat

Fonte: Duckster

Escrito por Handreza Hayran
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.