Narco-Santos é baseado em uma história real?

Handreza Hayran
3 Minutos de Leitura
narco santos

A série sul-coreana da Netflix Narco-Santos conta a história de Kang In-Gu, um humilde empresário. Ele decide deixar a Coreia do Sul para o país sul-americano do Suriname para trabalhar como pescador. No entanto, ele se envolve em uma perigosa conspiração que ameaça sua vida.

A série dá uma visão fascinante sobre o funcionamento interno de um cartel de drogas. Então você pode estar se perguntando se a série policial da Netflix é baseada em eventos reais.

Neste artigo, analisamos mais de perto as origens dos Narco-Santos.

Narco-Santos é baseado em uma história real?

Os eventos descritos em Narco-Santos são baseados em parte em fatos reais. A série é baseada na vida real do narcotraficante Jo Bong-Haeing e foi adaptada para a televisão por Yoon Jong-bin e Kwon Sung-Hui.

O império do traficante era baseado no Suriname. Ele usou coreanos como mensageiros para transportar cocaína da América do Sul para a Europa.

Embora sua vida passada esteja envolta em mistério, sabe-se que Jo Bong-Haeing teve que deixar a Coreia do Sul em 1994 para evitar a prisão por fraude.

Diz-se que Jo Bong-Haeing criou um sistema de entrega e transporte de drogas na década de 1990. Em 2004 e 2005, Jo transportou mais de 48,5 kg de cocaína para países europeus. O valor total das entregas é de pelo menos US$ 140 milhões.

Jo pagava a seus mensageiros de 4 a 5 milhões de won por entrega. Em 2009, ele foi preso por autoridades brasileiras.

As acusações foram feitas contra ele em 2011.

No início de cada episódio, afirma-se que eventos reais servem de base para a história. Também diz que, por razões dramatúrgicas, muitas coisas foram muito exageradas e certos nomes e detalhes de algumas pessoas foram alterados ou inventados.

Em vez de usar o nome verdadeiro de Jo Bong-Haeing, a série lhe dá um pseudônimo, Jeon Yo-hwan.

Também não se sabe se Jo Bong-Haeing posou como padre para encobrir suas atividades criminosas.

Até onde sabemos, nenhum empresário sul-coreano trabalhou secretamente com o Serviço Nacional de Inteligência (Coreia do Sul) para rastrear o traficante.

Por fim, os produtores incorporaram vários elementos fictícios à trama para tornar a série mais interessante. A mistura de fato e ficção, no entanto, inspirará os espectadores.

Dica: Aliás, “Narco-Santos” é comparável às séries da Netflix “Narcos” e “Narcos: Mexico”, ambas séries de crimes que giram em torno de cartéis de drogas.

Escrito por Handreza Hayran
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.