‘Santo’ da Netflix é baseado em uma história real?

Handreza Hayran
2 Minutos de Leitura
santo

Criada por Carlos López, a série policial ‘Santo‘ da Netflix gira em torno do traficante “invisível”, que cria estragos no Brasil por meio de suas operações de narcóticos.

Assim, dois policiais em diferentes continentes se unem em uma perseguição desenfreada para capturar o traficante, cujo rosto ninguém conhece.

Os dois policiais Ernesto (Bruno Gagliasso) e Miguel (Raul Arevalo) que o perseguem são muito diferentes, mas devem aprender a trabalhar juntos e a se entender para resolver o caso e permanecerem vivos.

A atriz portuguesa Victoria Guerra interpreta Bárbara, uma personagem enigmática intimamente ligada a Santo que em breve despertará o fascínio de Cardona. 

Victoria tem uma longa história no seu país mas garante que nunca teve a oportunidade de dar vida a uma personagem tão sombria como a Bárbara.

Um dos aspectos mais significativos de ‘Santo’ é que é uma série bilíngue: Gagliasso e Guerra falam português o tempo todo, mesmo nas cenas que compartilham com os atores espanhóis.

Santo é baseado em uma história real?

Não, ‘Santo’ não é baseado em uma história real.

Embora ‘Santo’ gire em torno de um chefão do narcotráfico, a série não é uma típica série de crime que conta a história real de um traficante.

López, por meio de Santo, examina a maldade que está presente nos seres humanos ao invés de retratar a vida de outro criminoso fictício ou real como vários programas fazem.

Onde foi filmada a série?

As filmagens de Santo foram realizadas entre Madri e Salvador na Bahia, embora seja uma produção totalmente espanhola da Netflix e Nostromo Pictures. 

Os seis episódios de Santo já estão disponíveis para assistir no catálogo da plataforma.

Tem uma temporada de seis episódios de cerca de 45 minutos cada. A Netflix ainda não anunciou uma segunda parte porque leva algumas semanas para avaliar a recepção do espectador.

Escrito por Handreza Hayran
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.