‘O golpista do Tinder’: a verdadeira história de Simon Leviev

Handreza Hayran
3 Minutos de Leitura
o golpista do tinder
Fonte: Netflix

A Netflix estreou em 2 de fevereiro o documentário ‘O golpista do Tinder’, onde está exposto o popular aplicativo para conhecer pessoas e que é usado por milhões de usuários em todo o mundo.

Simon Leviev se apresentou como herdeiro de um império de diamantes que viajou pela Europa em seu jato particular e viveu um estilo de vida caro. Desta forma, ele seduziu diferentes mulheres através do aplicativo de namoro a quem enganou usando a mesma estratégia de golpe.

O documentário centra-se na história real de Simon Leviev, também conhecido como Shimon Yehuda Hayut, um golpista profissional que criou um perfil falso no Tinder onde fingia ser o bilionário ‘Rei dos Diamantes’, Lev Leviev.

No entanto, nada poderia estar mais longe da verdade, pois esse homem tem suas origens humildes em Tel Aviv, Israel.

Quem é Simon Leviev?

Aos 18 anos, ele fugiu de seu país com um passaporte falso, pois as autoridades o queriam prender por várias fraudes; sua mãe explica que não viu o filho desde então. Em 2011, ele foi acusado de roubar cheques.

Em 2015 , Simon foi preso na Finlândia, onde passou três anos na prisão depois de roubar dinheiro de três mulheres que ele enganou dizendo que trabalhava na indústria de armas para obter dinheiro delas. 

Após sua libertação da prisão, ele foi enviado para Israel, de onde fugiu novamente. Em 2018, ele conheceu sua primeira vítima no Tinder; uma mulher que dá seu testemunho no documentário.

No conhecido aplicativo de namoro, o protagonista de ‘O golpista do Tinder’ criou um perfil marcante onde se gabava de seu estilo de vida cheio de luxos: aviões particulares, bons restaurantes e roupas muito elegantes.

Ao puxar conversa com uma de suas vítimas, Simon enviava fotos e vídeos de seu suposto segurança, Peter, espancado após defendê-lo de um suposto ataque.

Desta forma, pede dinheiro às mulheres com quem falava, prometendo que devolveria. Uma vez recebido o valor desejado, envia-lhes falsos recibos de transferência bancária com supostos reembolsos que nunca chegaram e culpando o banco por não realizar as transações corretamente.

Fugitivo da justiça

“Ele seduziu e enganou jovens mulheres e está foragido da justiça em vários países.

Escrito por Handreza Hayran
Nascida e criada em Petrolina-PE, Handreza Hayran é co-fundadora e editora do Foco e Fama. Formada em Computação pela UFRPE, ela também é fã de tecnologia, filmes e séries. Além disso, acredita que histórias bem contadas, são presentes incrivelmente valiosos.