Quem morreu em ‘La Casa de Papel’? 5 personagens que nos deixaram

Iasmin Maciel
4 Minutos de Leitura

‘La Casa de Papel’ chegou com sua última parte, que já está disponível na Netflix. A série espanhola é um dos maiores sucessos da plataforma de streaming, e mudou como a indústria cinematográfica olha para outras produções sem ser de língua inglesa.

Com uma enorme audiência por todo o mundo, ‘La Casa de Papel’ entrou para a história e chegou a ser a mais assistida na plataforma.  

Com o desfecho da série, o público dá adeus a um dos maiores programas dos últimos anos. Mas antes do ‘gran finale’, o público precisou se despedir de 5 personagens de importância para série e até mesmo amados. Relembre quem foi que morreu durante a primeira a quinta temporada de ‘La Casa de Papel’. 

1. Oslo morreu em ‘La Casa do Papel’

A primeira morte de um dos personagens do grupo de assaltantes é o de Oslo, ainda primeira parte da série.

Oslo é atingido na cabeça por um dos reféns, seriamente ferido, o assaltante devia receber atendimento médico, pelo menos essa era a intenção dos outros membros do grupo, mas Oslo acaba morto sufocado pelo seu primo Helsinki, que sabia que ele preferia a morte do que voltar para a prisão. 

2. Moscou morreu em ‘La Casa do Papel’

Moscou é um dos personagens querido pelo público, o que causou sua morte um momento bem triste na série.

O personagem estava envolvido no roubo para conseguir o dinheiro para o seu filho Denver pagar uma dívida. O ladrão é baleado pela polícia, e mesmo com os esforços dos demais colegas, ele acaba falecendo nos braços do filho.  

3. Berlim morreu em ‘La Casa do Papel’

Berlim é um personagem complexo e que divide opiniões. Ele é o irmão do Professor, e está sofrendo com uma doença degenerativa terminal.

Durante a fuga da Casa da Moeda Espanhola, Berlim decide se sacrificar para que seus companheiros fujam. Ele fica para trás e entra em um confronto direto com a polícia, sendo metralhado. A morto do personagem é uma das mais chocantes da série. 

4. Nairóbi 

Uma das mortes mais tristes para os fãs de ‘La Casa de Papel’ foi a de Nairóbi. A personagem era uma das mais queridas pelo  público, o que fez ser bem difícil aceitar sua morte.

Durante uma armadilha da inspetora Sierra, Nairóbi sofre um grave ferimento. Mas tudo parece estar bem, já que Tóquio realiza uma cirurgia que salva a vida da personagem. Nairóbi começa a se recuperar e traz a esperança de que ficará tudo bem, mas de forma trágica, a personagem é assassinada por Gandia, que atira na cabeça de Nairóbi. 

5. Tóquio 

Se a morte de Nairóbi causou espanto, imagina como foi recebido a morte de Tóquio, já que para muitos ela seria a única sobrevivente do ‘atraco’ por ser a narradora dos acontecimentos.

A personagem se encontrava gravemente ferida, para proteger os companheiros, Tóquio se sacrifica ao puxar uma granada, causando sua morte e o dos policiais.  

A morte de Tóquio foi inesperada e mostrou que qualquer um dos outros personagens não estão seguros de encontrar esse mesmo fim. 

Escrito por Iasmin Maciel
Iasmin Maciel é escritora freelancer que encontra nos livros, filmes e series um abrigo para a mente. Ela pode passar o dia inteiro falando de sua série preferida "How I Met Your Mother".