virgin river

‘Virgin River’: 5 diferenças entre os livros e a série (Spoiler!)

‘Virgin River’ estreou sua 3ª temporada na Netflix, ficando em 1ª entre as séries mais assistidas na plataforma no Brasil.

A série que é um sucesso é baseada nos livros na escritora americana Robyn Carr. E como qualquer outra adaptação, a série possui algumas diferenças da obra original.  

Confira quais são as 5 principais diferenças entre os livros e a série!  

1. Morte de Mark 

Quem leu o livro já sabe logo no começo como foi a morte de Mark (Daniel Gillies), o marido de Mel (Alexandra Breckenridge).

A morte é abordada sem mistério e ocorreu durante um assalto em uma loja de conveniência, onde o personagem é assassinado com três tiros. Na série, a morte de Mark é um dos mistérios, só sendo revelado nos últimos episódios.

O personagem morre em um acidente enquanto discutia com Mel, o que fez com que a personagem se sentisse bastante culpada pelo que aconteceu.  

2. Os bebês de Charmaine 

Uma das principais tramas da série é sobre a paternidade de Jack, que descobre que a ex-namorada está gravida de gêmeos.

Na 2ª temporada da série, a gravidez de Charmaine (Lauren Hammersley) é explorada, causando bastante drama na história e um dos motivos que afeta a relação de Jack (Martin Henderson) e Mel.

Nos livros, a personagem não possui tanta importância para a história e o fim da relação dela com Jack é amigável. Charmaine também é mais velha do que a da série e possui já dois filhos.  

3. Protagonismo da Hope 

Na série, Hope (Annette O’Toole) é um dos principais personagens, com grande presença na série e com um próprio enredo.

Ela tem um grande papel como cupido para Jack e Ema, além de viver seu próprio drama com Doc (Tim Matheson), com quem foi casada e que após anos separados voltam a se relacionar.

Na história escrita por Robyn Carr, Hope não possui tanto destaque, sendo mais discreto sua passagem pelo livro. Ela também nunca foi casada com Doc e nem possui nenhuma relação amorosa com o personagem.  

4. Envolvimento de Jack e Mel 

No livro, Mel vive em luto pela perda do marido, mas o envolvimento com Jack ocorre de uma forma rápida, diferente na série.

Quem acompanha a série sabe que Mel tem uma grande dificuldade em seguir, o que afeta na relação com Jack, que acontece lentamente no decorrer das temporadas.

Outra diferença é que a série tem uma faixa indicativa de 14 anos, com cenas bem mais discretas envolvendo o casal, já os livros são adultos e com cenas quentes entre os dois.  

5. Gravidez da Mel 

Um dos momentos mais emocionantes da série é a luta de Mel para superar a perda do seu bebê, que morre por uma complicação na gravidez.

Além da morte da filha, Mel tem que lidar às consequências, que dificultam a possibilidade de uma nova gravidez. No livro a personagem não possui essa dificuldade e nem chegou a engravidar de Mark, mas sim de Jack e o bebê nasce saudável e sem complicações.  

‘Virgin River’: 5 diferenças entre os livros e a série (Spoiler!) via @focoefama

Autor(a): Iasmin Maciel

Iasmin Maciel é escritora freelancer que encontra nos livros, filmes e series um abrigo para a mente. Ela pode passar o dia inteiro falando de sua série preferida "How I Met Your Mother".

What do you think?